FAKE NEWS: Sesau nunca suspeitou de bomba em mala, informou Ascom

FAKE NEWS: Sesau nunca suspeitou de bomba em mala, informou Ascom

 


Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Gleba A (Foto: Reprodução)

A Secretaria de Saúde (Sesau) de Camaçari desmentiu de pronto o boato que circulava nas redes sociais, na tarde desta sexta-feira (22) sobre a suposta presença de uma bomba na UPA da Gleba A. De acordo com a assessoria do órgão, nunca houve suspeita de risco por parte da unidade.


A proprietária da mala amarela, cuja identidade foi preservada, é uma paciente com transtornos mentais, que é moradora de rua. Ela já é conhecida na unidade, de modo que, quando a mala foi encontrada, a gestão da UPA da Gleba A já sabia do que se tratava.


De acordo com informações da assessoria de comunicação da Sesau ao Camaçari Fatos e Fotos (CFF), a denúncia a autoridades policiais, a suposta suspeita de bomba e até mesmo o acionamento do BOPE foram fruto de ações de populares, endossadas e estimuladas por um perfil autodeclarado "página de fofoca" nas redes sociais, que "noticiou" a suposição de explosivo.


A mala amarela deixada na recepção da unidade continha nada mais que roupas e pertences pessoais.



Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem